Página Inicial > notícias > Aposentadoria desigual: defasagem alta em relação ao piso nacional

Aposentadoria desigual: defasagem alta em relação ao piso nacional

http://extra.globo.com

extra

extra fotoAposentados em 1995, o deputado federal Cesar Epitácio Maia, de 68 anos, e o segurado do INSS José Fernandes Coelho, de 73, tiveram perdas de 50,72% e 48,19%, respectivamente, nos valores de seus benefícios convertidos em quantidade de salários mínimos. O impacto, no entanto, foi maior no bolso de José.

O inativo da Previdência Social começou recebendo uma aposentadoria mensal de R$ 803,68, o equivalente a 8,03 mínimos da época. Após 18 anos, José se queixa da desvalorização de seus rendimentos. Hoje, ele ganha R$ 2.817,91 (o equivalente a 4,16 pisos nacionais).

— Só de luz, água, telefone e alimentação pago, por mês, quase mil reais. Fora o dinheiro gasto com remédios.

A situação do ex-deputado federal e ex-prefeito do Rio Cesar Maia é mais confortável. Ele começou recebendo da Câmara pouco menos do que José ganha atualmente: R$ 2.080 (20,80 mínimos da época). Cesar, agora, fatura R$ 6.948,01 por mês (10,25 pisos nacionais).

— A defasagem vai matar o aposentado do INSS de fome — disse Coelho.

________________________________________________________________________________________________

 Aviso do Blog ASOV:

Somente serão aprovados os comentários que estiverem de acordo com as regras de conduta do blog.

Criar PDF    Enviar artigo em PDF   
Categories: notícias Tags:
  1. claudio alves da silva
    17, julho, 2013 em 10:33 | #1

    Garibaldi o senhor é uma piada. Imagina o senhor aposentado com 10 sal. mínimos e em pouco tempo passaria a ganhar 1. Como se sentiria. O aposentado também tem vida social. Como fica o plano de saúde porque o que vcs. nos oferecem é uma bosta. Como fica, mercado, luz, água, vestuário e os remédios? que na nossa idade são extremamente necessários. Lula, dona Dilma cria do Lula, que coisa, que diferença quando o Lula subia nos palanques e dizia “precisamos cuidar dos nossos velhinhos aposentados” rsrsrs que piada. Não voto mais em babaca nenhum.

  2. Katia Regina
    17, julho, 2013 em 09:29 | #2

    Estou de acordo…estamos sendo tratados como SUCATAS…vai para o LIXO…, pois..tenho
    a manifestar O APOSENTADO NO BRASIL ESTA SENDO EXCLUIDO DA SOCIEDADE QUE O MESMO CONTRIBUIU PARA SUSTENTAR..E AGORA QUE NAO SERVE…MAS…ESTAO ESQUECENDO QUE TEMOS UMA FORÇA MUITO GRANDE…E A FORÇA É ESSA”PRECISAMOS DIVULGAR CONSTANTEMENTE. ESSA INJUSTIÇA” ; MEDIA DE ULTIMOS SALARIOS DE CONTRIBUIÇAO..FATOR PREVIDENCIARIO….DISTINÇAO ENTRE TRABALHADOR PUBLICO E PRIVADO…ISSO É UMA VERGONHA………..

  3. DALTON\RJ.
    17, julho, 2013 em 07:52 | #3

    VAMOS VENCER ESSA INJUSTA TRAIÇÃO. FORA A CORRUPÇÃO. JUSTIÇA E IGUALDADE PARA TODOS TRABALHADORES E APOSENTADOS. VAMOS ACABAR COM ESSA MENTIRA DE JUSTIÇA SOCIAL NAS ELEIÇÕES. A NOSSA CONSTITUIÇÃO TEM QUE SER RESPEITADA POR ESSES POLÍTICOS MAL INTENCIONADOS. VAMOS NOS UNIR JÁ, ATRAVÉS DOS NOSSOS SINDICATOS, OU ENTÃO NOS MATARÃO DE FOME.

    UM FORTE ABRAÇO, ESPERANÇA E FÉ PARA TODOS OS APOSENTADOS E APOSENTADAS DO NOSSO BRASIL.

  4. 16, julho, 2013 em 18:47 | #4

    Como que temos força? Se tem gente ainda falando em voto nulo. Voto nulo é ótimo para o atual governo.
    Cada voto nulo anula alguém que tenha chance de vencer e derrotar a atual situação. Ou, só se é de proposito, pessoas pregando o voto nulo para favorecer quem esta nos prejudicando.

  5. 15, julho, 2013 em 22:37 | #5

    Pelo que vejo alguns colegas acordaram.. nos não podemos fazer greve e não tem sentido mesmo aposentados fazendo greve…. mas temos uma arma que pode sim fazer a direnfereça o VOTO.. Ja imaginaram quantos somos… acrescentem ai nossas familias…. podemos sim mudar o curso desta historia sem passeatas sem violencia apenas com ele o VOTO.

  6. dayse de andrade
    15, julho, 2013 em 18:23 | #6

    VERGONHA VERGONHA, ELES PENSAM QUE NAO TEMOS FORÇA MAS NOS TEMOS, VAMOS TODOS OS APOSENTADOS VOTAR NULO NAS PROXIMAS ELEIÇOES, MAS EU ESTOU FALANDO TODOS.

  7. Celso Luis Frazão de Souza
    15, julho, 2013 em 17:36 | #7

    FIQUEM ATENTOS;

    2014 VEM AÍ !!!!!!!!

    FAREMOS CAMPANHA CONTRA TODOS QUE NOS ESQUECERAM.

    ESTAMOS ATENTOS

  8. João Gaudêncio Filho.
    15, julho, 2013 em 15:57 | #8

    Realmente,é um roubo,o que estão fazendo com nós aposentados.Ninquém até agora(Os Governantes)não nos ajudaram em nada.Estamos cada dia que passa,em situação crítica.Fomos desvinculados do salário mínimo,em 1995,e não da mais.Chega de tanta injustiça para conosco.Onde está o direito aos Idosos?Vamos convocar a população do Brasil,para as próximas eleições,ninguém ir as urnas,greve geral.Vamos aguardar……….

  9. humberto
    15, julho, 2013 em 15:36 | #9

    Me aposentei em 1999, com 3 salários mínimos. Hoje ganho pouco mais do que um salário mínimo e fica tudo por isso mesmo. Não temos representatividade, Os sindicatos não têm força política, os políticos corruptos e desonestos não se interessam por nossa situação e por aí vai. Quando algum deputado ou senador vai tomar alguma medida concreta para dar um basta nisso?

  10. CRISTIANO MEDEIROS
    15, julho, 2013 em 14:53 | #10

    É O MAIOR ESTELIONATO DO MUNDO. VOCÊ PAGA E NÃO RECEBE. UM PLANO MEDÍOCRE , ARQUITETADO POR INCOMPETENTES, OBRIGA O TRABALHADOR A CONTRIBUIR COM ALÍQUOTAS DE 8 ,9, 10 SALÁRIOS MÍNIMOS PARA RECEBER UMA PENSÃO EQUIVALENTE AS CONTRIBUIÇÕES, E EM POUCO TEMPO DE APOSENTADORIA, O TRABALHADOR ESTARÁ RECEBENDO UM SALÁRIO MÍNIMO PARA SOBREVIVER NA MISÉRIA. SE É PARA RECEBER UM SALÁRIO MÍNIMO DE PENSÃO, QUE SE PAGUE A CONTRIBUIÇÃO SOBRE UM SALÁRIO MÍNIMO, PELO MENOS SERÁ MAIS JUSTO. PORQUE NÃO SE ESTENDE ESTA REGRA PARA TODOS, INCLUSIVE POLÍTICOS QUE CONTRIBUEM POUQUÍSSIMO TEMPO E RECEBEM FORTUNAS DE PENSÃO. SE O SISTEMA NÃO FUNCIONA MAIS COMO ANTES, ENTÃO MUDEM A FÓRMULA, MAS RESPEITEM AQUELES QUE SE APOSENTARAM NO SISTEMA ANTIGO, PAREM DE ROUBAR O DINHEIRO DO POVO , GASTAR COM PROJETOS INÚTEIS , QUE SOBRARÁ DINHEIRO PARA PAGAR APOSENTADORIAS DIGNAS E JUSTAS PARA TODO TRABALHADOR BRASILEIRO.

  11. Ivone
    15, julho, 2013 em 14:09 | #11

    Se todos os brasileiros questionassem e pedisse a igualdade no reajuste dos aposentados com os dos políticos, não seriamos atendidos pois eles dizem que seria um rombo para previdencia social. Então temos que mostrar que o aumento no salário deles é um ABSURDO e é um ROMBO no bolso do trabalhador que trabalha para pagar o défict público e quando esse mesmo trabalhador se aposenta tem que ser sacrificado com o FATOR PREVIDENCIÁRIO e a DEFASAGEM NA APOSENTADORIA NO DECORRER DOS ANOS. Eles tem aumentos como se tivesse na ativa e um aumentos altíssimos. ISSO É BRASIL. ESSES POLÍTICOS SÃO SEM NOÇÃO, OU MELHOR NÓS DEIXAMOS ELES SEREM ASSIM.

  12. Marlene
    15, julho, 2013 em 11:40 | #12

    Estou aposentada desde 1997, fui aposentada com 8 salários na época, hoje recebo 2.300,oo,imaginem o quanto perdi, estou cansada de perder, temos que ir a luta, porque não ganho mais nem para comer….remédios e plano de saúde….falta de respeito total com os aposentados…..

  13. carlos miranda
    15, julho, 2013 em 10:52 | #13

    isso é uma vergonha…também estou aposentado por invalidez desde 1998….e só tenho perdas nesse período…precisamos todos juntos nos manifestar contra essa falta de respeito com os aposentados.

  1. Nenhum trackback ainda.